Algumas diferenças de ideias entre Pobre/Classe Média e Rico

Minha intenção não é causar nenhum mal estar com esse texto, eu apenas estou compartindo um trecho de um livro que me chamou muita atenção e de certa forma fez algum sentido para mim.

Uma das razões pelas quais os pobres ficam mais pobres e a classe média luta com as dívidas é que para os Pobres/Classe Média o assunto dinheiro não é ensinado nem em casa nem na escola.

As escolas se concentram nas habilidades acadêmicas e profissionais, mas não nas habilidades financeiras, o que faz com que as pessoas tenham problemas financeiros durante toda a vida. Até os nossos governantes (federal, estadual e municipal) não fazem um planejamento financeiro adequado dos recursos, geralmente gastam mais do que arrecadam e a conta nunca fecha. Porém, sabemos que essa questão já é outra e não vou entrar nesse mérito.

Algumas diferenças entre P/CM (Pobre e Classe Média) e R (Rico):

P/CM - O amor ao dinheiro é a raiz de todo mal.

R - A falta de dinheiro é a raiz de todo mal.

P/CM - Não dá para comprar isso.

R - O que posso fazer para comprar isso?

R - Meu cérebro fica mais forte a cada dia porque eu o exercito. Quanto mais forte fica, mais dinheiro ganho.

P/CM - Tem o hábito de colocar o cérebro para dormir quando o assunto é dinheiro. Evita o assunto.

R - Tem o costume de exercitar seu cérebro quando o assunto é dinheiro.

P/CM - Que os ricos deviam pagar mais impostos para atender os menos afortunados.

R - Que os impostos punem os que produzem e recompensam os que não produzem.

P/CM - Estude arduamente, forme-se, para poder arrumar emprego numa boa empresa.

R - Estude arduamente, forme-se, para ficar rico, para entender como funciona o dinheiro e para aprender a fazê-lo trabalhar para você, para ser independente financeiramente.

P/CM - Não sou rico porque tenho filhos.

R - Tenho que ser rico por causa de vocês, meus filhos.

P/CM - Proíbe que se fale de negócios durante as refeições.

R - Inventiva as conversas sobre dinheiro e negócios na hora do jantar.

P/CM - Em questões de dinheiro seja cuidadoso, não se arrisque.

R - Aprenda a administrar o risco. Conhecendo a operação, o risco diminui.

P/CM - Nossa casa é nosso maior investimento e nosso maior patrimônio.

R - Minha casa é uma dívida e se sua casa for seu maior investimento, você terá problemas.

P/CM - Paga suas contas no prazo, em primeiro lugar.

R - Paga suas contas no prazo, deixando para a última hora. Primeiro paga a si mesmo.

P/CM - Acredita que a empresa ou o governo deveria cuidar de você e de suas necessidades.

R - Acredita na auto-suficiência financeira, se manifestando contra a mentalidade “dos direitos” e fala que isso cria pessoas fracas e financeiramente necessitadas.

P/CM - Luta para poupar uns poucos reais.

R - Cria investimentos.

P/CM - Ensina a escrever um currículo impressionante para encontrar um bom emprego.

R - Ensina a fazer sólidos planos financeiros e de negócios de modo que possa criar empregos.

P/CM - Diz: “Nunca vou ficar rico”.

R - Diz: “Sou um homem rico”. E mesmo se estiver quebrado, pois diz: “Há uma diferença entre ser pobre e estar quebrado. Estar quebrado é algo temporário; ser pobre é eterno”.

P/CM - Não ligo para dinheiro, ou O dinheiro não é importante.

R - O dinheiro é poder.

P/CM - Trabalha por dinheiro.

R - O dinheiro trabalha para mim.

P/CM - Adquirem obrigações pensando que são ativos.

R - Adquirem ativos.

P/CM - Compram primeiro artigos de luxo (casas grandes, carros maiores, diamantes, peles, jóias ou barcos).

R - Compram os artigos de luxo por último.

Apesar do dinheiro ser uma forma de poder, a instrução financeira é mais poderosa ainda, pois se você tiver sido educado quanto ao funcionamento do dinheiro, adquire poder sobre ele e pode começar a construir sua riqueza.

O “pensamento positivo” não funciona porque a maioria das pessoas nunca aprendeu nada sobre dinheiro e passam suas vidas trabalhando pelo dinheiro.

Fonte: Kiyosaki, Robert T. e Lechter, Sharon L. Independência Financeira. Editora Campus, 2005.


Recent Posts
Archive

Redes Sociais:

  • Facebook - White Circle
  • Instagram - White Circle
  • LinkedIn - White Circle

financexperto

Copyright © 2017 financexperto

Planeje seus gastos, pois planejar vem antes de gastar!!!

“Quem de vós, querendo fazer uma construção, antes não se senta para calcular os gastos que são necessários, a fim de ver se tem com que acabá-la?" Lucas 14:28

 

O desejo de consumo é inerente ao ser humano, mas sempre deve ser precedido pelo planejamento financeiro. Marcar os ganhos e os gastos, monitorar rotineiramente, e agir no dia-a-dia para não perder o controle gerenciando suas compras é fundamental.